Quatro suspeitos de roubar um carro carregado com produtos eletroeletrônicos e de informática foram presos por policiais militares do 6.º Batalhão da Polícia Militar (Cascavel), nesta sexta-feira (25). De acordo com a PM, Luiz Alberto Batista dos Santos, 33 anos, Altair Pacheco, 27, Jucelino Pelegrini, 28, e Alessandra Bossi, 30, teriam rendido o motorista de um Palio carregado com cerca de 7 mil dólares em equipamentos, na manhã desta sexta-feira (25). O caso foi solucionado em menos de 5 horas.

Para conseguir prender os suspeitos a Polícia Militar fez cerco numa estrada secundária, conhecida como Estrada Rio da Paz, que sai de Cascavel e segue até o distrito de Juvinópolis. Em pouco tempo, o carro, que já estava sem os equipamentos eletroeletrônicos, foi avistado pelos policiais. Quando percebeu que seria abordado, o motorista atirou contra a polícia e conseguiu fugir pelo mato. A PM permanece realizando cerco no local para prender o suspeito, que já foi identificado. Ninguém ficou ferido na troca de tiros.

Na seqüência, ainda durante o cerco na mesma estrada, um dos acusados foi preso ao tentar passar pelo bloqueio policial de moto. Segundo a PM, a motocicleta conduzida por Jucelino Pelegrini também foi usada no roubo. Ele portava um revólver calibre 38, carregado com 6 cartuchos, quando foi abordado. Foi ele quem informou onde tinham sido escondidas as mercadorias retiradas do carro, que foram recuperadas.

Ainda conforme os policiais que atuaram na ocorrência, as vítimas deram informações que possibilitaram localizar e prender os outros suspeitos nas proximidades do local onde foi montado o bloqueio. Segundo a PM, Luiz e Alessandra circulavam com um veículo Chrisler Stratus, de cor azul placas, com placas do Paraguai. Depois de buscas na região, os policiais prenderam mais um acusado. Altair conduzia uma motocicleta e teria dado cobertura ao envolvidos na prática do roubo. Todos os envolvidos, os veículos e as mercadorias foram encaminhados à delegacia, onde ficam à disposição da Justiça.