A Delegacia de Homicídios ainda não tem nenhuma pista dos autores do triplo assassinato, ocorrido na noite de sexta-feira, na invasão Terra Santa, Tatuquara. Na ocasião, foram executados Carlos Eduardo Braz da Silva, 15 anos, Márcio da Silva Roque, 18, e Nivaldo Edimilson Bosa, 38. De acordo com testemunhas, seis homens encapuzados invadiram a residência de Nivaldo e efetuaram vários disparos. Em seguida, fugiram a pé.

O delegado Sebastião Ramos Santos Neto, da Delegacia de Homicídios, acredita que a execução foi motivada por vingança ou tráfico de drogas. “Temos informações que a casa de Nivaldo era freqüentada por criminosos. Ele próprio tinha passagens por roubo e tráfico de drogas”, contou o delegado. Ele salientou que muitos moradores da região viram os assassinos, que estariam encapuzados, mas como no local predomina a lei do silêncio nenhum se propôs a colaborar com a polícia. Sebastião solicita às pessoas que possam ajudar na identificação dos autores para entrar em contato com a delegacia, através do telefone 323-6640.