A delegacia do Alto Maracanã recebeu diversas denúncias por telefone sobre a suposta mulher que abandonou um recém-nascido numa valeta, embrulhado numa sacola. O bebê foi encontrado por moradores do Jardim Paloma, que ficaram perplexos com a cena de um cachorro arrastando o corpinho pela Rua Teixeira Soares.

“Cada denúncia dá uma pista diferente”, disse o superintendente Fioravante Perruchon. Além das denúncias, a polícia mantém contato com postos de saúde e maternidades para apurar as datas dos partos que estava programado nos dias anteriores.

O recém-nascido morreu asfixiado e teve parte do corpo comido pelo cão. O perito Edimar Cunico foi até o local e constatou que o bebê foi deixado vivo na sacola, provavelmente no final de semana. A população pode colaborar com a polícia pelo telefone 3605-0263.