Seis tiros tiraram a vida de
“Neguinho”, em São José dos pinhais.

Édson da Silva Pereira, 30 anos, o “Neguinho”, fugiu da cadeia de Foz do Iguaçu e foi assassinado na Região Metropolitana de Curitiba. Ele morreu com seis tiros em frente ao portão da casa em que morava, na Rua Margarida Petraglia Fugiatto, Jardim Eldorado, São José dos Pinhais, às 23h de quinta-feira.

“Neguinho” era condenado por assalto, mas segundo o delegado Noel Francisco da Silva variou as atividades ilícitas em São José. “Temos informações de que lidava com o tráfico de drogas”, disse Noel. Algum acerto de contas envolvendo o passado criminoso da vítima é a principal hipótese do assassinato.

Conhecidos

O fato de os matadores conhecerem o alvo reforça a suspeita. “Neguinho” foi chamado pelo nome e conversou alguns minutos com os autores. Houve um rápida discussão, seguida pelos disparos. O foragido morreu no local, com tiros na cabeça e no peito.

Os assassinos – ainda não se sabe quantos – fugiram em um carro cujo modelo não foi identificado. O irmão e uma cunhada de “Neguinho” estavam na residência, mas disseram não ter visto quem o matou. A polícia da cidade espera que outros parentes do foragido indiquem algum suspeito do crime.