Uma carga de roupas femininas avaliada em R$ 300 mil foi recuperada por policiais da Delegacia de Furtos e Roubos (DRF) na noite de quinta-feira (20).
A mercadoria roubada de uma indústria da cidade catarinense de Sombrio foi encontrada no bairro Sítio Cercado, na casa de Fábio Lorenzett Mocelin de Oliveira, que foi preso pelo crime de receptação qualificada.

À polícia o suspeito afirmou que comprou as peças de um suposto fornecedor de Paranaguá, explicação que não convenceu os policiais. Informado sobre a recuperação das mais de duas mil peças de roupa, o proprietário da carga afirmou que nem tinha mais esperança de reaver seus produtos e que agora terá seu prejuízo amenizado.

O delegado-chefe da DRF Rafael Vianna explicou que esta ação foi feita em parceria com policiais de outros estados, visando a prisão dos integrantes de uma quadrilha interestadual, que age no Paraná e em Santa Catarina.

O delegado ainda ressaltou que a polícia está nas ruas, de olho em quem negocia produtos roubados. “Quem quer ter lucro fácil,  comprando ou vendendo mercadorias sem nota fiscal e sem procedência pode estar cometendo o crime de receptação,  que tem pena de até oito anos de prisão “.