Acostumado a praticar furtos em mercados, principalmente no bairro do Portão, em Curitiba, Marcos Ribeiro da Silva, 28 anos, teve sua rotina interrompida por investigadores da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR), na noite da última sexta-feira. Ele foi preso após ser flagrado pelas câmeras do circuito interno do estabelecimento colocando, dentro de sua mochila uma garrafa de uísque de aproximadamente R$ 250, alguns chocolates e pedaços de filé mignon.

O delegado Rubens Recalcatti, titular da DFR, relatou que Marcos já era conhecido no mercado pelos freqüentes furtos que cometia. ?Ao perceber a presença do homem, o pessoal entrou em contato com nossos policiais, que o detiveram ainda no interior do estabelecimento?, disse Recalcatti. ?Não restou outra alternativa a não ser autuá-lo em flagrante por furto?, completou. O delegado ainda contou que os próprios funcionários do mercado já tinham tentado segurá-lo, numa outra oportunidade, mas sem sucesso.

Na delegacia, Marcos afirmou que é viciado em crack e explicou que pretendia vender as mercadorias furtadas para comprar a droga. ?Foi a terceira ou quarta vez que eu furtava e como eles já tinham me visto antes, devem ter ficado de olho. Por isso me pegaram?, disse.