A Delegacia de Estelionato e Desvio de Cargas (DEDC) cumpriu nesta terça-feira (15), na cidade catarinense de Garuva, o último mandado de prisão que havia contra integrantes de uma quadrilha que aplicou dois golpes na ALL – América Latina Logística, empresa responsável por operações ferroviárias em quatro estados brasileiros.

No primeiro golpe, foram desviados cerca de R$ 140 mil  com a emissão de notas fiscais de serviços não prestados por empresa de fachada com endereço em Fazenda Rio Grande, supostamente fornecedora da ALL.

No segundo golpe, perpetrado também por funcionários da ALL, o ardil foi utilizar informações privilegiadas e alterar o cadastro de fornecedores da empresa. Os valores foram bem maiores, cerca de R$ 3,5 milhões, divididos em dois pagamentos, um de cerca de R$ 2,75 milhões e outro de quase R$ 750 mil, que, só não foram parar nas mãos dos meliantes, graças a uma intervenção do gerente do banco para onde o dinheiro havia sido transferido.

Paraná Online no Facebook