t75170205.jpg

Leandro: admitiu ter feito um ataque.

Acusado de ser o "terror" da estação-tubo Antônio Meirelles Sobrinho, no Capão da Imbuia, Leandro José de Oliveira, 21 anos, foi detido por policiais militares do tático velado, no início da noite de ontem. Embora Leandro seja apontado como o assaltante que atacou seis vezes os cobradores que trabalham naquele tubo, ele só admitiu ter cometido o delito uma vez, no último dia 30.

Os policiais, que não podem ter seus nomes divulgados, disseram que o detido costumava ser violento em seus assaltos. "Ele agredia o cobrador com tapas no rosto e mostrava o cano de uma arma para intimidá-los", relatou um policial. Com base nas características do assaltante repassadas pelas vítimas, os PMs patrulharam as imediações da estação-tubo e encontraram Antônio na favela Rocinha, Vila Oficinas. Ele foi encaminhado ao 3.º DP (Mercês).

Oito reais

Antônio admitiu, para a reportagem, apenas o assalto cometido no dia 30. "Levei R$ 8,00 para comprar bebida, mas não agredi o cobrador. Apenas simulei estar armado", disse, acrescentando que possui uma passagem por assalto, cometido há cerca de dois anos. O acusado é amasiado, tem dois filhos e trabalha como auxiliar de produção. Ele mora na Rua Reinaldo Thá, Vila Oficinas, próximo de onde foi localizado pelos policiais.