Suspeito de matar devedores, ex-aliados e traficantes concorrentes, Daniel de Andrade, 34 anos, o “Daniel Vermelho”, foi preso quinta-feira (13) e apresentado nesta sexta-feira (14) pela polícia. Ele foi definido pelos investigadores como “o terror do Sítio Cercado”, porque além de participar de vários assassinatos no bairro, também era conhecido por intimidar moradores. Segundos testemunhas, ele costumava ser violento e dar tiro para o alto.

Um desses crimes teria sido contra o comparta “Juliano Rato”. Após cometeram alguns crimes juntos, Daniel teria decidido executá-lo. ‘Depois que cometeu uma série de mortes na região na companhia dele, “Daniel Vermelho” eliminou “Rato” para ficar com sua arma‘, comentou a delegada Maritza Haisi, titular da Delegacia de Homicídios.

Ele também é investigado pelo triplo homicídio cometido dia 7, dentro de uma casa na Rua Helena de Almeida. O alvo seria Rodrigo Henrique Fernandes, o “Japa”, vendia drogas para Daniel.

O rapaz foi executado dormindo, junto com a namorada Joice Cristiane da Silva, e o adolescente Jean Alves Ferreira. Com o mandado de prisão contra Daniel em mãos, anteontem os policiais da DH foram até um bar na Vila Sambaqui e o capturaram. Além destes crimes, a polícia suspeita que outros poderão ter a autoria creditada ao detido.