Investigadores da Delegacia de Furtos e Roubos apreenderam dois adolescentes acusados de participar do assalto à uma residência no Jardim Botânico, na noite da última quinta-feira. De acordo com o delegado Rubens Recalcatti, os acusados encaminhados à Delegacia do Adolescente após confessarem a participação no delito, são integrantes de uma gangue que tem seus domínios estendidos entre Cajuru e a Vila Trindade. Grande parte das mercadorias roubadas foi recuperada pela polícia. “Estamos tentando identificar outros dois integrantes do grupo que participaram do assalto”, disse o policial. Todos têm idade entre 16 e 17 anos.

Por volta das 20h do dia 16 de setembro, o dono da casa foi rendido no portão por um indivíduo, armado com revólver. Em seguida, outros três homens entraram na residência rendendo demais familiares. Todas as vítimas foram obrigadas a ficar de joelhos, voltadas para a parede, enquanto os marginais realizavam a ação. Da casa foram levados quatro computadores, DVDs, videocassete, jóias e R$ 500,00 em dinheiro. Fugiram levando o Ford Ka da família, que posteriormente foi abandonado e localizado pela polícia.

Na região do Cajuru existem algumas gangues que disputam o poder entre si, através da prática de delitos. Em decorrência disso, no último fim de semana, uma moça foi baleada naquela área, por indivíduos que ocupavam uma motocicleta e pretendiam atingir o irmão da jovem.