Suspeitos de matar Rogério Martins Francisco, 26 anos, na noite de sábado, na Vila Torres, Prado Velho, dois homens foram presos ontem, pela Delegacia de Homicídios. Um dos suspeitos foi identificado como Wellington Leal Pereira, o “Gringo”, 21 anos, apontado como autor de mais de 10 assassinatos. O outro detido foi identificado apenas como “Orelha”. Segundo a polícia, eles foram reconhecidos por testemunhas como autores do homicídio.

A operação, que mobilizou diversas equipes da DH, foi realizada na manhã de ontem. “Orelha” foi preso por volta das 9h30, em casa. Cerca de uma hora depois, “Gringo” foi detido de bicicleta. Ele ainda tentou fugir.

Os dois são suspeitos de matar Rogério, com vários tiros, na Rua Edith Barcelos Schramm, próximo à Rua Manoel Martins de Abreu, na Vila Torres. Informações apuradas no local do crime davam conta que o motivo foi uma briga durante uma partida de futebol.

Crimes

Em 2010, “Gringo” foi preso por policiais militares do 12.º Batalhão. Entre os crimes atribuídos ao suspeito, está um triplo homicídio, ocorrido em fevereiro de 2010, também na Vila Torres. Ele é apontado como líder da quadrilha da “Xicarada”, uma das principais da vila.

Na noite de ontem, moradores da vila trancaram a Avenida das Torres (Comendador Franco), protestando porque a polícia havia prendido inocentes.