As polícias Civil e Militar de Cornélio Procópio (Norte Pioneiro) realizaram, na manhã de sexta-feira (5), a Operação Balanço Final, que cumpriu 30 mandados de busca e apreensão na região. Sete suspeitos de tráfico de drogas foram presos em flagrante e 403 gramas de maconha, 60 gramas de pasta-base de cocaína, 70 pedras de crack e 6 gramas de cocaína foram apreendidos.

A operação mobilizou cerca de 100 policiais militares do 18.° Batalhão e 20 policiais civis da 11.ª Subdivisão de Polícia Civil, além de dois delegados e sete oficiais da Polícia Militar. Os suspeitos eram monitorados há vários meses.

Ainda foram apreendidos cerca de R$ 2 mil em dinheiro e 12 celulares. Uma máquina fotográfica digital e um aparelho de som, que a polícia suspeita ser produtos de furto, também foram recolhidos.

O delegado-chefe de Cornélio Procópio, José Aparecido Jacovós, lembrou que quase todos os trabalhos de combate ao tráfico na região são realizados em conjunto com a PM. “O baixo índice de criminalidade que temos na cidade resulta principalmente da prisão de traficantes. Isso reflete em redução dos crimes, já que as drogas atingem principalmente os jovens, principais responsáveis por furtos”, afirmou.

De acordo com dados da 11.ª Subdivisão de Polícia Civil, aconteceram dois homicídios durante 2008. Em ambos os casos os criminosos foram presos. Também foram presos em flagrante nesse período 40 pessoas por tráfico, que representam 35% dos detentos do minipresídio de Cornélio Procópio. “A cidade é considerada pela Secretária da Segurança Pública, uma das regiões de menor índice de criminalidade do Estado”, disse Jacovós.