A Força Samurai, grupo de elite da Polícia Militar do Paraná, prendeu nesta quarta-feira (13) na cidade de Paranaguá (Litoral do Estado) quatro homens acusados de tráfico de drogas, porte ilegal de armas e formação de quadrilha.

Com eles foram encontrados 3,9 quilos de crack, uma pistola nove milímetros e um revólver calibre 38, além de celulares, R$ 17.194 em dinheiro e um cheque no valor de R$ 100.

Os homens foram presos em flagrante por volta das 6h30, em três casas diferentes nos bairros Jardim Cominese, Jardim Esperança e Parque Agari. “Para cada residência foi direcionada uma equipe da Força Samurai, para que a operação acontecesse de forma simultânea”, explica o comandante da Operação Viva o Verão na Costa Leste, tenente-coronel Flávio José Correia.

“Após as prisões, os homens nos informaram sobre uma casa em construção, que seria um ponto de distribuição e armazenagem da droga. Lá encontramos enterrados dois quilos de crack”, conta Correia.

Segundo o comandante, a Polícia investiga se a droga seria distribuída no Litoral. “As informações recebidas e colhidas pela Força Samurai, como a ligação dos presos com pessoas que moram no Litoral do Estado, apontam para isto”, disse.

A investigação se deu a partir de denúncia feita pelo 181. “Houve um trabalho de inteligência. Monitoramos a denúncia e, após a constatação de que estes homens aguardavam a chegada da droga, foi solicitado ao Poder Judiciário os mandados de busca e apreensão”, afirmou Correia.

Foram presos Alex Constantino Matoso, 21 anos, André Constantino Matoso, 25, Leandro Fonseca de Oliveira, 22, e Joebeson Fonseca de Oliveira, 25. Segundo Correia, eles são moradores de Paranaguá, e apenas Joebeson tem passagem pela Polícia. Os acusados foram encaminhados para a Delegacia do município.

“Estamos monitorando a região com a equipe de inteligência da Força Samurai e a participação da comunidade é muito importante. Denúncias anônimas podem ser feitas pelo 181, o telefone de narcodenúncia”, salienta Correia.