Reginaldo discutiu com desconhecidos
em bailão e foi assassinado.

Após saírem de um bailão, na madrugada de ontem, Reginaldo de Oliveira, 20 anos, foi assassinado, e Valmir de Souza, 16, baleado. Os tiros foram disparados às 3h10, quando os jovens passavam pela Avenida Getúlio Vargas, no cruzamento com a linha férrea, no centro de Piraquara. Os autores do crime, segundo testemunhas, seriam integrantes de uma gangue do município.

Policiais que estiveram no local apuraram que, pouco antes do crime, Reginaldo e Valmir estiveram em um bailão nas proximidades, onde teriam se envolvido em uma confusão, por motivos desconhecidos. Reginaldo teria discutido com um grupo de rapazes e por causa disso, resolveu ir embora com o amigo Valmir.

Tiros

Quando caminhavam foram abordados por alguns rapazes, que atiraram contra os jovens. Reginaldo foi atingido na cabeça e no peito e Valmir no rosto e no peito. Moradores da região ouviram os tiros e, ao ver o que havia acontecido, encontrarem os rapazes feridos, caídos próximo à linha férrea. Os moradores acionaram o Siate, mas quando os socorristas chegaramsó encontraram Valmir com vida, pois Reginaldo não resistiu e morreu. Valmir foi conduzindo ao Hospital Cajuru.

O caso será investigado por policiais da Delegacia de Piraquara, que deverão ouvir funcionários e freqüentadores do bailão, para identificar os rapazes que se envolveram na confusão.