Oito assaltantes mantiveram a família do gerente do Banco do Brasil de Tibagi (região dos Campos Gerais) como refém durante uma noite inteira para assaltar a agência na manhã de ontem. Eles conseguiram fugir para Itararé (SP), depois de trocar de carro três vezes. O dinheiro roubado ainda não foi localizado.

A família do gerente foi rendida por volta das 18h30 de quinta-feira, em casa. Todos permaneceram sob a mira de armas, até as 7h da manhã seguinte, quando os assaltantes acompanharam o gerente até o banco. Os funcionários que chegavam à agência eram rendidos um a um e trancados no cofre, de onde todo o dinheiro foi retirado. O crime só foi descoberto quando um carteiro passou por lá e percebeu a gravidade da situação, pouco depois das 9h.