Foi localizado às 7h15 de ontem o corpo do pedreiro e guardador de carros Edmilson Santos da Silva, de 30 anos. Ele se afogou no lago que fica atrás do restaurante do Parque Barigui, em Curitiba, por volta das 18h da última quinta-feira, quando tentava resgatar um avião de controle remoto que caiu na água.

Uma equipe do Grupo de Operações de Socorro Tático do Corpo de Bombeiros (Gost), iniciou as buscas na quinta-feira. Na manhã de sexta, o aeromodelo foi encontrado pela equipe de buscas e entregue à Guarda Municipal.

Distância

O lago tem dois metros de profundidade e o corpo do pedreiro foi localizado a 100 metros do local em que afundou. “Recebemos o tempo todo informações desencontradas sobre o ponto em que a vítima se afogou, já que apenas uma pessoa viu tudo o que aconteceu e ela não permaneceu no parque até a chegada da nossa equipe. Isso dificultou bastante a localização do corpo”, conta o subtenente Silveira.

A irmã da vítima, moradora próxima ao parque, desmaiou quando viu o corpo de Edmilson e foi imediatamente socorrida pelos bombeiros. O marido dela, José Carlos, não admitiu a presença de câmeras no local e, nervoso, agrediu nossa equipe de reportagem.