O delegado Carlos Alberto Castanheiro, do 3.º Distrito Policial (Mercês), que investiga o acidente que causou a morte de duas crianças durante uma festa de confraternização na Cidade Industrial de Curitiba, no último dia 16, recebeu, nesta quinta-feira, o primeiro laudo, feito pelo Instituto de Criminalística de Curitiba.

O documento é sobre a análise do local do acidente. Porém, o delegado só irá se pronunciar sobre as investigações quando receber o laudo do Instituto Médico-Legal e outro referente às condições dos brinquedos. A previsão é que esses laudos fiquem prontos em dez dias.

O acidente aconteceu durante a festa entre funcionários da empresa Siemens e moradores. Duas crianças morreram ao despencar de cerca de 10 metros. Elas estavam em um castelinho pula-pula que decolou do chão.