O barulho de telhas quebradas alertou o policial que fazia a guarda externa do presídio Hildebrando de Souza, em Ponta Grossa, para a fuga, de presos, no domingo à noite. Sete presos ainda estão sendo procurados, um foi recapturado na manhã de ontem, e quatro foram parar no hospital. Permanecem foragidos Josi de Castro, Leandro Bueno dos Santos, Sérgio Ramos dos Santos e Jurandir Santana, que respondem por roubos à mão armada; Anderson Edmilson Ferreira e Claudeci Mota, por tráfico de drogas, e Romair Antônio da Silva, que aguardava pronunciamento da Justiça pelo crime de peculato.

O preso Carlos Alberto Francisco de Menezes foi ferido por três tiros no braço e no peito. Ele está hospitalizado. Também estão no hospital Roberto Cesar Sampaio Cordeiro, Alexandro do Nascimento Pereira e João Draziel Duarte, condenado por roubo à mão armada.