Foto: Alberto Melnechuky/Tribuna

Heverson tentou impedir assalto
e lutou com bandidos.

Ao tentar defender duas mulheres que estavam sendo assaltadas, o soldado da Aeronáutica Heverson Correia foi baleado, na Rua José da Silva Sobrinho, em frente a um hotel, no Bacacheri. Socorristas do Siate foram acionados, mas nada puderam fazer. O soldado teve morte instantânea.

De acordo com o delegado Gil Tesserolli, da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR), foi apurado que as duas mulheres estavam num Pálio, com placas de Matinhos, estacionado em frente ao hotel, quando dois homens armados chegaram e deram voz de assalto. O soldado andava pela calçada quando viu a situação e saiu em socorro às vítimas. Ele entrou em luta corporal com os marginais e foi baleado. Os supostos ladrões fugiram em seguida em direção ao Parque Bacacheri.

De acordo com o delegado as mulheres envolvidas na situação serão ouvidas na delegacia.