Está preso o suspeito de matar o pedreiro Anderson de Souza, 19 anos, em Colombo. O crime foi cometido em 7 de abril, na Rua Jacob Bertolin, bairro Itajacuru.

A Justiça emitiu mandado de prisão temporária de 30 dias contra Robson Rodrigo Pires dos Santos, o “Robinho”, 22, que foi detido na sexta-feira. Em depoimento, ele alegou que foi ameaçado de morte por Anderson dois dias antes do crime, encontrou uma arma, matou o rapaz e jogou a arma em um rio.

O delegado-titular da delegacia de Colombo, Erineu Portes, entretanto, acredita que o detido tenha agido como matador de aluguel. “Recebemos denúncias de que ele foi contratado para matar. Investigamos agora quem seria o mandante”, afirma.

Portão

Pouco antes das 21h, “Robinho” chamou por Anderson, no portão da casa da vítima. Assim que o pedreiro se aproximou, foi baleado. Ele ainda tentou correr para dentro de casa, mas foi perseguido e morreu nos fundos do terreno. O atirador fugiu em um Gol preto. Uma testemunha reconheceu “Robinho” como autor dos disparos.