Na batida com o Monza, ocupantes
do triciclo morreram na hora.

Um casal morreu ao colidir o triciclo placa MCG-7598 de Manaus (AM), contra o Monza ACF-8533, no quilômetro 3,7 da BR-376, em São José dos Pinhais, próximo ao cruzamento com a Rua Pedrina Costa Viski. Antônio Manoel da Silva, 54 anos, e Rosana das Neves Cardoso, 29, moradores em Joinville, tiveram morte instantânea. Os ocupantes do Monza Luiz Fernando Casagrande, 40, sua mulher Josimari, 36, e sua filha Milene Regina, 2, tiveram ferimentos leves e foram encaminhados ao hospital pelo Siate.

Testemunhas contaram ao policial rodoviário federal Meier que o triciclo trafegava pela pista sentido a Curitiba, quando, em frente a um posto de gasolina perdeu a direção e invadiu a pista contrária. “Ele teria desviado da traseira de um caminhão, que transitava em baixa velocidade”, comentou o policial, com base em relato de testemunhas. O triciclo pulou o canteiro central e bateu de frente com o Monza, sendo partido ao meio. A roda da frente ficou no asfalto e a parte de trás foi jogada em uma valeta que acompanha a rodovia. Rosana foi arremessada a alguns metros do ponto de impacto e Antônio ficou embaixo do rodado do carro.