Policiais do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) prenderam, ontem, três suspeitos de tráfico de drogas em Curitiba. Com Robson de Melo Crispim Maia, 31 anos, Murilo Silveira Bastos, 31, e Gilmar Souza Santos, 28, foram apreendidas 50 gramas de cocaína em pó, 44 pedras de crack, 45 cápsulas transparentes com 100 miligramas de cocaína, 500 cápsulas transparentes ainda vazias e cerca de 9 gramas de maconha.

De acordo com o delegado Hamilton da Paz, Maia foi abordado enquanto trafegava pela Rua João Bettega, e portava uma bucha com 50 gramas de cocaína. “Ao ser questionado, disse estar transportando a droga para uma residência em Araucária”, explicou o delegado.

Segundo a polícia, na casa situada à Rua Zdenco Gayer, em Araucária, os policiais surpreenderam Bastos e Santos enquanto aguardavam Maia e preparavam cápsulas com cocaína e pedras de crack.

“A forma de comercialização da droga em cápsulas não é comum, e é difícil a polícia identificar a substância, pois pode ser confundida com cápsulas de qualquer remédio”, acrescentou o delegado. Os rapazes compravam as cápsulas em loja de produtos farmacêuticos e colocavam 100 miligramas de cocaína em pó em cada uma.

Maia é foragido da Colônia Penal Agrícola desde novembro do ano passado. Bastos já teve passagem pela polícia por porte ilegal de arma de fogo. Os três foram encaminhados ao Centro de Triagem II de Piraquara.