Três assaltantes levaram quase R$ 10 mil de uma casa lotérica, pouco antes das 15h30 de ontem. O estabelecimento fica na Rua Barão do Cerro Azul, esquina com a Travessa Nestor de Castro, quase atrás da Catedral. De acordo a Polícia Militar, os marginais estavam em três, um deles armado.

Um bandido ficou na porta e dois entraram, misturando-se a cinco clientes. Quando um deles chegou ao caixa, anunciou o roubo e pulou para dentro da área reservada aos funcionários.

Em menos de cinco minutos levaram R$ 9.820,00 e fugiram a pé. A PM fez rondas na região, mas não os encontrou. As imagens das câmeras de segurança deverão ser analisadas pela Polícia Civil.

Outro

Este não é o primeiro roubo a lotérica que ocorre no centro, este mês. Em 4 de outubro, outro assalto tirou a vida do policial federal Edson Martins Matsunaga. Ele surpreendeu os marginais saindo da lotérica, que fica ao lado da sede da Polícia Federal. Houve troca de tiros e Edson morreu.

Douglas Cândido Rodrigues, 23, foi preso na hora. Cinco dias depois, dois comparsas de Douglas foram mortos em confronto com a PF e um terceiro foi baleado e preso no dia seguinte. A polícia ainda busca por uma mulher envolvida no roubo.