O vereador Emerson Prado (PSDB) foi detido na madrugada de segunda-feira por desacato à autoridade. Ele foi encaminhado por policiais militares ao Ciac-Sul, onde assinou termo circunstanciado e foi liberado. O assessor do vereador afirmou que Prado não irá se pronunciar sobre o caso.

De acordo com a PM, à 1h30, o motorista do guincho do BPTran, foi parado no Capão da Imbuia, e informado que duas pessoas brigavam dentro de um carro estacionado. Ele encontrou o vereador discutindo com sua ex-mulher e foi ofendido por Prado. Policiais chamados em apoio, também foram desacatados e detiveram o vereador. A ex-mulher de Prado não prestou queixa.

Em 2009, Prado foi indiciado por dirigir bêbado. Na época, afirmou que o cheiro sentido pelos policiais era de álcool em gel, que usava para se proteger da gripe A.