A Delegacia de Vigilância e Capturas continua a investigar o misterioso desaparecimento do vigilante do Colégio Estadual do Paraná, José Haliski, 46 anos. Ele foi visto pela última vez há uma semana, quando deixava o colégio para pegar o ônibus rumo à sua casa, na Barreirinha.

Durante esta semana, os familiares de José distribuíram fotos dele em vários locais públicos da cidade. Eles também percorreram hospitais, delegacias e até mesmo o Instituto Médico Legal, mas todas as tentativas foram em vão. O que mais intriga a família é que nem mesmo o dinheiro que ele possui no banco foi retirado.

A última pessoa que falou com José foi o outro segurança do colégio, que assumia o turno da noite, no último sábado. José deixou o colégio trajando uniforme da empresa Mundisegue e coturnos pretos. Qualquer informação que leve ao seu paradeiro pode ser passada à DVC pelo telefone: 322-1653 ou 322-1457.