Na noite de sexta-feira, por volta das 20h, o jovem Wilton Portilho parou seu Gol placa MBG-8502 em frente à casa de seu amigo, Francisco Pedro dos Reis, para conversarem. Após algum tempo dentro do carro, em frente ao sobrado na Rua Anne Frank, entre as ruas Tenente Tito Teixeira da Costa e Professor José Maurício Higging, na Vila Hauer, uma dupla de assaltantes abordou os amigos. Ambos desceram do carro, e Wilton deu a volta no veículo, chegando até a porta do passageiro. Quando os ladrões entraram no carro, Wilton sacou sua pistola 6.35 e atirou nos dois. A arma foi encontrada ao lado do Gol.

O padeiro Anderson Rempel de Camargo, 21, e o soldado do Exército Vanderlei Cristiano Perussi, 18, morreram no local. Eles eram moradores no Uberaba e não tinham passagem pela polícia. Segundo declarações da mãe de Vanderlei, Maria Izabel Duarte, à Delegacia de Homicídios (DH), Anderson trabalhava no Mercado Pague Menos, no Uberaba. Ela também contou que, pouco tempo antes, Vanderlei pegou o carro da mãe, o Astra placa AFI-5571 e saiu. O veículo foi encontrado há duas quadras do local do crime.

Segundo a DH, a irmã de Wilton disse que ele se apresentará nas próximas horas.