Segundo Amy Morin, psicoterapeuta e autora do livro “13 Coisas que as pessoas mentalmente fortes não fazem”, há pessoas que se rendem ao primeiro sinal de contrariedade. Um pneu furado, uma previsão de chuva ou uma fila podem estressá-las por um período longo de tempo. Outras pessoas, porém, se mantêm de pé diante de qualquer desafio que a vida põe no seu caminho. Elas têm uma incrível habilidade de transformar retrocessos em regressos e enfrentam as dificuldades com coragem.

+Leia mais! Brigas no casamento? Quatro dicas que vão te ajudar a evitar a “DR”

Dentre as maneiras que Amy listou em seu livro, e que são aquelas pelas quais as pessoas mentalmente fortes se recusam a deixar o estresse derrubá-las, selecionamos as oito abaixo:

Aceite que o estresse faz parte da vida

Pessoas mentalmente fortes não ficam se perguntando: “Por que essas coisas sempre acontecem comigo?” Em vez disso, elas sabem que o estresse é parte da vida cotidiana e aceitam que obstáculos e problemas são parte da jornada.

Reconheça os primeiros sinais de estresse

Em vez de ignorar ou subestimar os sinais de estresse, as pessoas mentalmente fortes estão atentas às maneiras como isso influencia o seu humor, a sua atitude e até o seu corpo. Elas usam essa informação para gerar mudanças positivas antes que sejam completamente vencidas pelo estresse.

Escolha ver o momento de estresse como uma oportunidade

Situações difíceis podem derrubar você, mas podem também ser uma oportunidade para crescer. Pessoas mentalmente fortes veem o estresse como uma oportunidade de exercitar sua musculatura mental. A cada desafio, elas lutam para saírem mais fortes e se comprometem a melhorar.

Procure ajuda quando precisar

Pedir ajuda não é um sinal de fraqueza: é um sinal de força. Pessoas mentalmente fortes conhecem os seus limites e não temem buscar uma mão amiga quando precisam.

Modifique o seu ambiente

Em vez de escolher enfrentar um estresse desnecessário por causa do ambiente em que estão, pessoas mentalmente fortes se abrem às mudanças. Elas sabem que às vezes uma pequena mudança no ambiente pode fazer uma diferença enorme no seu nível de estresse. Seja escolhendo sentar perto de um colega mais positivo ou optando por não fazer parte de algum comitê que só vai dar dor de cabeça, elas focam em coisas que podem controlar.

Lembre-se de se divertir

Uma das melhores formas de combater emoções negativas é experimentando sentimentos positivos. Pessoas mentalmente fortes participam de atividades de lazer, se cercam de pessoas positivas e arranjam tempo para aqueles a quem amam.

Mude o canal

A não ser que estejam trabalhando para ativamente resolver um problema, pessoas mentalmente fortes não perdem tempo pensando em suas dificuldades. Quando se veem lamentando seus problemas ou se afundando na negatividade, elas mudam o canal em suas mentes, de forma pró-ativa, optando assim por se distrair em atividades positivas que dão alívio imediato ao estresse.

Mantenha as metas de longo prazo na cabeça

Mesmo que um prazo curto ou um projeto difícil possam dar um pouco de estresse hoje, as pessoas mentalmente fortes sabem que esses problemas são pequenos no grande esquema da vida. Elas focam em suas metas de longo prazo e assim mantêm os desafios de hoje em perspectiva.


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?


Como prevenir a contaminação por coronavírus

  • Lavar as mãos com frequência/ ou utilizar álcool 70%, principalmente antes de consumir algum alimento;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca, higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter ambientes bem ventilados, evitar contato próximo com pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença;
  • Evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações;
  • Pessoas com sintomas de infecção respiratória aguda devem praticar etiqueta respiratória (cobrir a boca e nariz ao tossir e espirrar, preferencialmente com lenços descartáveis, e depois lavar as mãos).

Baixe o guia de prevenção para compartilhar!

Imprima esse guia em PDF com informações sobre a prevenção do Coronavírus e outras doenças respiratórias virais: