O presidente da Comec, Gilson Santos, participou nesta sexta-feira (10), em Araucária, da reunião para de entrega da Proposta para Adequação e Compatibilização de Projetos do Parque Natural do Iguaçu.

A proposta, contratada pela Sanepar e realizada pela Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná – Fupep, é uma adequação e aperfeiçoamento do Estudo de Concepção e elaboração do Projeto Básico e Executivo do Parque Natural do Iguaçu, contratado pela Comec em 2018, e previsto no Plano Diretor da Área de Interesse Especial do Rio Iguaçu (AIERI), elaborado em 2012.

Segundo Santos, a implementação do parque será um marco no contexto metropolitano. “Esta é uma área muito importante para toda a região, em especial pela sua proximidade com o Rio Iguaçu, que carece de atenção e cuidado, e mais ainda para os araucarienses, que terão mais uma importante área de lazer e preservação”, destacou.

+ Leia mais: Expo Motorhome reúne apaixonados pela liberdade e “vida sobre rodas”

Estão previstos para a estrutura do parque playground, lanchonete, academia ao ar livre, centro de exposições, pista de caminhada, quadra de futebol, sanitários, quadra de vôlei, quiosque com churrasqueira, além de todo um projeto paisagístico.

O coordenador-geral do projeto, Eduardo Ratton, destaca que os benefícios vão muito além das áreas de lazer. “Ao implementarmos o parque, além de toda a preservação ambiental promovida, evitamos futuras possíveis invasões irregulares que representam um grande problema para o desenvolvimento da cidade e segurança da população. Assim, unimos o útil ao agradável. Todos ganham”, destacou.

A proposta apresentada contém todo o projeto de terraplanagem, drenagem, arquitetura paisagística, pavimentação, arquitetônico de edificações, estruturais de madeira e concreto, hidrossanitário e elétrico, estando pronto para contratação da obra, que deverá ser realiza pela Sanepar e Instituto Água e Terra (IAT).

Para o diretor de Saneamento Ambiental e Recursos Hídricos do IAT, Luiz Scroccaro, são investimentos importantes que estão sendo realizados em todo o Estado do Paraná. “Ao todo, temos 48 parques em execução em todo o Paraná. Somente neste parque em Araucária estão previstos R$ 10 milhões em investimentos. É um valor que é revertido na qualidade de vida de toda a população”, destacou.

+ Veja mais: Pequeno Cotolengo promove Bazar com produtos apreendidos pela Receita Federal

A gerente de Recursos Hídricos da Sanepar, Ester Amélia Assis Mendes, lembrou da importância do projeto para a qualidade da água do Rio Iguaçu.

“O parque terá um papel fundamental no contexto hídrico da Região Metropolitana de Curitiba, servindo como um grande reservatório de água e, também, ajudando na contenção de cheias, além, é claro, de toda a preservação ambiental tanto da vegetação existente quanto do Rio Iguaçu. Estamos muito felizes em poder participar deste projeto”, destacou.